quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

MAMAS DE GATA

Como já vos disse anteriormente, tenho 2 filhos. Um deles é um pestinha com um ano, a outra uma criatura com 7 anos, uma santa.
Chama-se Ana.
Vou deixar-vos aqui alguns relatos de cenas divertidas que ela disse até agora.
Depois dela nascer, emagreci muito. Fui emagrecendo aos poucos e quando ela tinha 3 anos eu pesava à volta de 46 kg. Tendo em conta que tenho 1,61, estava um espeto. Belos tempos....
Nesta altura estava um dia a minha cunhada em cuecas a engomar uma peça de roupa, quando ela passa por trás, dá-lhe umas palmadadinhas no rabo e diz:
-Cu gordo da tia. A mamã não tem! - Claro que isto dito com aquele arzinho inocente de bébé, foi de morrer a rir.
Noutra ocasião, também com a mesma idade, 3 anos, levei-a à piscina do ginásio. Estávamos a vestir-nos quando ela, de pé em cima de uma cadeira enquanto eu a penteava, apontou com o indicador para uma rapariga de seios fartos e disse:
- Mamas...a mamã não tem. - E disse isto de modo a toda a gente ouvir, com as palmas das mãos pequeninas viradas para cima " a mamã não tem" e um ar de infelicidade estampado no rostinho. Fonix!!!! Claro que eu fiquei vermelha que nem um tomate e toda a gente se riu.
Mais recentemente, já com 7 anos, fomos um dia as duas às compras. Entrámos na minha loja de eleição: MANGO. Estava lá um vestido lindo. Fui experimentar. Ela entrou comigo para dentro do provador. Quando já estava com o vestido, mas com um ar desolado a olhar a minha imagem no espelho, diz-me ela:
- Estás tão bonita mamã.
Eu sorri e respondi:
- Não estou nada Ana. Então não vês que a mamã parece uma tábua de engomar, nem mamas tem! O vestido fica-me mal.
Ela olhou para mim e disse, alto demais, toda a gente dos outros provadores ouviu:
- Oh mamã, como é que as tuas mamas desapareceram?
Fiquei para morrer.... respondi:
- Um dia a mamã explica-te, quando fores mais crescida.
E demorei mais um pouco dentro do provador a vestir-me. Saí de fininho com ela pela mão.
A inocência das crianças é um must! E a curiosidade, essa, mata esta gata!

12 comentários:

Mlee disse...

O encanto do lar ... hahahaha ... os miúdos têm cada tirada!!
Demais!

beijuka

Brown Eyes disse...

Não há nada como os comentários inocentes de uma criança.

Otário disse...

blog... a mãmã já tem...
diria ela. ;)

Andreia do Flautim disse...

LLOOLL, a tua menina é um espectáculo!!

Afrodite disse...

Mas orgulhosa por teres amamentado, aposto ;)!

O meu fez uma parecida na rua mas com uma desconhecida, alto e em bom som disse "Grandas mamas aquela menina tem!"...e eu shiuuuu e ele continuou "e o rabo, granda rabo!". Bolas...é que eu vivo sozinha com ele, não sou eu a ensinar, quem será??? ehehehhehe...têm com cada uma ahahahahahaha.

Abreijinhos

A Princesa disse...

Como eu te compreendo... tenho lá em casa duas assim... aliás... convido-te a leres um post que fiz acerca de uma conversa com o meu filho...
http://opalacio.blogspot.com/2008/09/curiosidade.html

Bjs

Sol disse...

Do que tu te vais lembrar....
Alem de dizer que eu tinha o cu grande, disse tambem com o mesmo ar ingenuo...."tia, tens o cu patido"...

Gata das Trevas disse...

heehe pois foi...disse k tinha o cu patido!

Capitão Merda disse...

E quem quer mamas grandes?!
Antes pequeninas e rijinhas!

:D

jorge_m. disse...

Olá,
hhuhuaa as crianças dizem cada coisa, coitadinhas se elas soubessem do poder das palavras! :P

bjs

Paula disse...

Ah... A inocência das crianças... Tão refrescante...
Ou não!
:)
Bjs!

Graça disse...

Respondendo à tua pergunta: o maridão ajuda, sim senhora :) :) sempre, que lhe peço :p :p

Bj *************